Banda para casamento: 6 dicas para escolher a sua

Banda para casamento: 6 dicas para escolher a sua

Depois de dizer o “sim” em uma cerimônia solene, chega o momento mais esperado por noivos e convidados: comemorar a união até o nascer do sol.

Por conta disso, um casamento não é completo sem uma boa banda para festa, que mantenha a pista agitada até as primeiras horas da manhã.

Assim como no caso dos demais fornecedores, é muito importante que os noivos façam a escolha com muita cautela – e, de preferência, seguindo as recomendações do cerimonial. Deste modo, evita-se dor de cabeça no grande dia.

Entretanto, também é preciso ter alguns cuidados específicos na escolha da banda para festa de casamento. Confira-os a seguir:

Saiba quanto pode gastar

10 a cada 10 especialistas afirmam que, ao organizar um casamento, a primeira coisa que os noivos devem fazer é saber exatamente qual é o valor que eles podem gastar.

Assim, todos os fornecedores podem ser escolhidos com base na quantia disponível para tal.

A banda para casamento não é exceção: existem vários grupos atuantes neste mercado, que são controlados por empresas distintas.

Consequentemente, este serviço está disponível em várias faixas de preço. Portanto, o casal deve separar um valor, que ficará reservado para ele.

Vale ressaltar que é importante duvidar de orçamentos que estejam muito abaixo da média do mercado. Afinal, um show do tipo dura algumas horas, e envolve deslocamento dos músicos e uso de materiais de última geração.

Se, por acaso, o casal não conseguir encontrar uma banda para casamento barato, vale a pena considerar um DJ. Ele também manterá os convidados animados a noite toda, e costuma cobrar menos que as bandas.

Versatilidade é fundamental

Um dos segredos para manter a pista da festa cheia a noite toda é fazer o máximo possível para agradar a todos.

Isso significa que a banda de casamento deve ser eclética, e trabalhar com os mais diversos estilos musicais.

Além disso, é preciso saber que há grupos que trabalham de duas maneiras: com um repertório fechado, que não permite alterações.

E os mais flexíveis, que aceitam pedidos especiais dos noivos. Cabe ao casal decidir o que é melhor para eles.

Por fim, também é importante levar o gosto dos convidados em conta.

Afinal, a festa é pensada para que todos celebrem a formalização da união com muita alegria.

Se os noivos não tiverem certeza a respeito do gosto musical das pessoas que compareceram, vale a pena fazer uma sondagem.

Prefira bandas que tocam sem intervalos

Um conselho que os especialistas em organização de casamentos dão a todos os casais é não permitir que haja “buracos” na programação da festa.

Quando os convidados sentem que não há mais nada para fazer, as chances de que eles voltem para casa mais cedo que o ideal são grandes.

Portanto, ao escolher a banda que animará a noite, é importante que os anfitriões priorizem os grupos que não fazem intervalos.

Ou, caso isso não seja possível, pode-se intercalar a apresentação da banda com atrações alternativas, tais como:

  • Um DJ;
  • Outra banda;
  • Um show de stand up;
  • Artistas circenses e malabaristas.

Deste modo, o intervalo da atração principal passará praticamente despercebido.

Alinhe a banda com a temática da festa

Os casamentos rústicos boho são uma alternativa para casais que gostam de sair do comum.

Normalmente celebrado ao ar livre, ou em um local de aparência rústica, ele tem uma atmosfera mais leve e jovial que as celebrações tradicionais.

Neste caso, é importante que a trilha sonora complemente o ambiente da festa: uma banda de indie rock, por exemplo, cai como uma luva.

O mesmo princípio deve ser aplicado a festas com outras inspirações.

Um casamento vintage pode contar com uma banda de rock de décadas passadas, assim como uma celebração à beira mar pode ser embalada por músicas de reggae e pop rock.

Confira apresentações anteriores

No caso de fornecedores de comida, o casal normalmente participa de degustações antes de bater o martelo.

Já antes de decidir quem fará o vestido da noiva, ela confere minuciosamente as peças anteriormente produzidas pelos possíveis estilistas.

No caso da banda, fazer esta prova também é fundamental – e, felizmente, muito fácil: basta buscar vídeos de apresentações anteriores na internet.

Contrate com antecedência

Uma banda para casamento SP que seja boa no que faz pode ter a agenda cheia por até mesmo um ano.

Por conta disso, o ideal é que os noivos comecem o processo de escolha logo no início dos preparativos.

Desta maneira, há mais liberdade de escolha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *